Talassoterapia

Destruição de gordura localizada.

Talassoterapia é uma palavra de origem grega (thalassa= mar e therapia=cura) que

surgiu no início do séc.XIX, no entanto, já na antiga Grécia se recorria aos benefícios da

água salgada com fins terapêuticos.

Foram, contudo, os franceses que divulgaram este método terapêutico nos princípios do século

passado.

A composição da água do mar é muito semelhante à do plasma sanguíneo e o seu uso em

banhos à temperatura de 35ºC dá ao nosso organismo oligoelementos e sais minerais

indispensáveis ao seu bom funcionamento.

O uso da água do mar e das algas marinhas permite reequilibrar o meio extracelular, estimular a

eliminação de tóxinas, remineralizar a pele, facilitar a destruição de gorduras, intensificar a

permeabilidade cutânea e hidratar a pele. A Talassoterapia é apenas contra-indicada em mulheres

grávidas e em pessoas que apresentam micoses ou algum corte no corpo